quarta-feira, março 31, 2010

Speed para sempre!

:: LUTO - Speed para Sempre ::


Speed é um bom camarada, ninguém pode negar!

Por Monique Barcellos

O Brasil perde um dos maiores representantes do Rap, grande músico, artista e eu perdi um grande camarada... Sem palavras, R.I.P Speed. Hoje o dia amanheceu mais triste...O Rap Nacional está triste, Speed vai fazer muita falta.


Na música estava lançando algumas prévias do disco novo em seu site http://www.speedshits.com/ .

:::::::

Lembro das primeiras vezes que ouvi sua voz potente nas rimas e ideias polêmicas, não à toa seus parceiros o apelidaram "professor maluco".

Foto: Reprodução de Video - Entrevista: SpeedfreakS e Monique Barcellos - Arquivo


Anos depois, em 2008, quando gravamos a Entrevista, praticamente "invadimos" o SESC Niterói (foto acima), foi o primeiro trabalho, com um clima de nervosismo, ansiedade, não sei definir bem... Coisa de quem quer falar sério - no caso dele - e de quem queria fazer uma pauta à altura, elaborada e enfática, no meu caso. Também foi divertido.. Primeiro encontro profissional de dois bem-humorados tentando falar sério.
A entrevista foi divulgada escrita e em áudio, pela Internet.

Nas últimas semanas estávamos combinando de nos encontrarmos para eu entregar o material em video, já que ele se encarregou da missão de editá-lo (Speed, além de produzir, divulgar tudo sozinho, também estava editando seus videos). Infelizmente não pudemos finalizar mais essa missão, que agora está nas minhas mãos e do parceiro Tigrão (Ciência Rimática - foto abaixo), que, segundo o jornal Meia Hora, foi a último amigo que esteve com Speed antes do ocorrido.

Foto: SpeedfreakS e Tigrão - Facebook/Speed


Fiz divulgações sobre os trabalhos do Speed desde 2008, para meu programa Som de Rua, pela Internet (Leia no Waves (Portal Terra) ou site Expresso22) e também aqui pelo Blog, com Links, Discografia, Biografia e Lançamentos.

Todos os seus feitos, suas ideias.. Não se dizia revolucionário, Speed não temia, sempre a mil por hora, incansável, sempre voando alto, bem-humorado, não gostava de rótulos, porém sabia ser crítico. Sempre gerando papos polêmicos, produtivos. Piadas também.
Sempre me pedia opinião, queria saber o que eu achava dos sons... Eu sempre me impressionava ao mesmo tempo, não me admirava em nada, porque era ELE. Elogios, argumentações, exclamações seguidas de "sou suspeita pra falar, pois sou fã".

Além de tudo tirava onda como cantor, estilo tenor, fazendo graça.
Para Speed, como ele mesmo enfatizou em nossas úlimas conversas, "o lance é fazer som e vender, não quero 'puxar bonde' nenhum". Trabalho. De repente, ele nem tinha noção de sua representatividade como um "professor" da música, da liberdade de expressão, ele não aceitava essa. Mas, com certeza ele tinha consciência e orgulho de seus talentos e autonomia artística.
Segundo ele, fazia som pra não ter pressão de certas posturas, o que acabava acontecendo... Para Cláudio, educar não era papel da música, nem da mídia (isso pra ele eram ferrementas de ENTRETENIMENTO) e sim das escolas e da família, do meio social, da rua. E assim se mostrou
sempre: transparente, civilizado, esclarecido, articulado, observador, livre..INTENSO.

Foto: Divulgação/Isto É Gente


Speed não temia nada e, talvez, essa pode ter sido sua maior marca e, também, seu maior risco. Porém, na minha opinião de profissional, de amiga, de humana: NÃO mereceu esse fim, nada justifica tal brutalidade... Nem mesmo um tropeço por caminhos tortuosos..

Cláudio, Speed, merece ser lembrado à altura de seu legado e não em páginas policiais... Speed é para SEMPRE. Quem fez isso com ele não muda esse fato. Para sempre, Speed. Sua parceria e amizade já fazem muita falta. Descanse em Paz. Meus profundos sentimentos pela família e amigos, muitos deles assim como ele, meus amigos também. Seguimos na luta.




:::::::

Segue a homenagem do rapper Rabu Gonzales. Rabu fez uma compilação dos Pré-lançamentos que Speed disponibilizou em seu site, já que estava para lançar disco novo. Ele fez esses skits cantando trilhas de filmes:



PS.: Aori, o MC LAPA criou um abaixo assinado em prol da investigação da morte de Speed, para que este crime não permaneça impune. Se você quiser contribuir, ASSINE.

::::::::::

segunda-feira, março 22, 2010

De Boa na Lagoa deve ser isso!

:: Sessão Desabafo ::

De Boa na Lagoa deve ser isso!


Ah gente, dá licença aqui! Vocês que acompanham o Blog, sabem que eu não uso como ferramenta de desabafo, mas sempre chega a hora da onça beber água, né..

Plena Segunda - feira, muita informação, muito "telectec" (teclinhas pelo mundo, quase um Ôm Digital).. Durmo tarde e, tem um mês e meio que estiveram asfaltando minha rua - o que não seria nada ruim, não fosse acordar com poeira e rolo compressor tremendo a casa.. Isso quer dizer que não durmo...Acabou?
Não, tem obra na rua, na casa do vizinho e (adivinhem) na MINHA casa também!!! Começou pelo muro e nem acabou, já tá no telhado! Começar é fácil, terminar é que são elas...

Que lindo, não?? Não reclamo de nada assim tão grave, mas tudo e todo mundo tem um limite. Um mês sem dormir direito, pode ser um grande motivo, creio eu. Acordo TARDE, durmo TARDE, pra mim é um privilégio, sim, enfim.
Mas esse mês como se não bastassem os fatos medíocres do meu dia-a-dia, vem a "múltimidia" bombardear mil coisas..

Fatalidades como a da Dina Di (no post anterior), fazem a gente refletir como mulher, como cidadão que merece ter um atendimento hospitalar, no mínimo seguro, dá um pesar;
Primeiro dia de julgamento do casal de monstros, Nardoni... (Sem comentários);
Vem essa overdose de BBB, desnecessária, não bastasse a própria emissora, todo lugar que se "clica" leva ao BBB!!
(Eu até gosto, é ruim mas é bom, pra quem quer entender relações humanas, quem gosta de Humanas..Enfim, podem me criticar, mas é um prato cheio);
Merdas na TV, nos jornais, nas esquinas vazias, eu acho que a casa do vizinho não é melhor..

Não há melhor lugar que nosso lar, mas com esse lance de obra, tá foda.

Fora o tempo que não passa, na minha cidade, sensação estranha, sempre Terra do Nunca, sem trabalho na minha área, sem gente interessante pra trocar figurinha, nem isso. Fofocolândia, Ostracity. Tenho a sensação que vivo no "Show de Truman"! Desde que nasci, desse jeito!

Pois é, acordei prolixa, mau humorada, sintoma da intolerância, até constrangida comigo mesma por isso, só que já tem um mês que não sei o que é dormir, mas dormir mesmo! Sono de anjo... Acordei hoje num limite excêntrico, quase insana!! (E ainda é segunda-feira, meu Deus!)

Com marretadas no telhado (inconscientes na minha cabeça).
Casa tremendo, cascalho voando pelo quintal, quase uma trincheira... Abstraí, juro..
Pensei em outro lugar, numa selva distante, no meio do mato.. (Pá, pá, pá, no telhado!)
Pensei que se pudesse escolher companhia.. Queria tomar um café com Hermeto, conversa musical, ritmada, sem barulho, sem babado, sem confusão, sem gritaria.


Só por hoje resolvi reclamar aqui e deixá-los à vontade pra comentar, reclamar também. Que mal tem uma loucura particular, né? Esse mundo ensina a gente a ser louco!
(Então vamos ser loucos vivos! Impulsivos, cômicos, irônicos e lúdicos, de preferência!)

Só hoje, ficar literalmente assim, como (e com) Hermeto, de boa na lagoa:





Pois é, tanta falta de senso por aí a fora, que dá um remorso pensar só em mim, (no meu humor e tudo mais, de como sou maluca, penso tanto e tanta coisa disconexa) pero, pensei com esse vídeo:


-Que "louco", que belo, que tudo!! Isso sim deve ser a síntese do termo "de boa na lagoa"... Queria acordar hoje e tomar um café com Hermeto, de boa na lagoa MESMO!!
Hermeto para Presidente!!

É isso, desculpem a confusão mental de quem não dorme, vive de olheira e de sonhos... E quase morre com as marretadas que despertam..

O que desejo pra mim, desejo pra quem quiser também.. (Use mais o luar e o abajour do que a luz da TV).

Ótima semana!!!
Tupiniquim style.




:::::

sábado, março 20, 2010

Morre Dina Di (Visão de Rua)

:: Hip Hop Nacional

Grande legado e perda para o Rap Nacional


Morreu na madruga de hoje (20), Dina Di, rapper do grupo Visão de Rua. Dina estava internada desde o dia 02 de março na maternidade, onde havia dado a luz a sua filha Aline.

Durante o parto, contraiu infecção Hospitalar, que evoluiu para infecção generalizada, que causou o falecimento.

Durante todo o dia, vários admiradores e parceiros, amigos renderam homenagens à Dina Di através do Twitter, alguns revoltados com o destino cruel que teve a guerreira, premiada, representante do Rap Feminino e inspiração para muitos que hoje representam o Hip Hop Nacional. Seu legado, sua voz poderosa e sua luta não serão esquecidos. Descanse em Paz.

Biografia - Myspace

Dina Di corria com alguns patrocínios: XXL, Porte Ilegal (Galeria 24 de Maio – SP), Marola Discos e todas as lojas que representam o Rap no Brasil.


Confira a homenagem da XXL Co*55*

Adeus, Dina Di

Segue um video da Rainha do Rap Nacional:


:::::::

quarta-feira, março 17, 2010

Dica de Filme - A Maçã

:: Dica de Filme ::

Fonte: Flogão - Filmes Raros

Poesia e Cinema??
Só aqui (no Blog) ou no Irã..

A MAÇÃ

Baseado em fatos reais: Na parte sul de Teerã, diversas famílias se uniram para denunciar seus maridos para o Serviço Social por não permitirem que seus filhos saiam de casa.



SKY >> Canal Futura Canal 16 UHF

Cor: Colorido
Classificação: Programa livre


A jovem diretora iraniana Samira Makhmalbaf, de 18 anos, segue os passos de seu pai, o também cineasta, Mohsen Makhmalbaf, para retratar com realismo um fato surpreendente em seu país. Trabalhando em parceria com o pai, autor do roteiro, ela acompanha a história de duas meninas gêmeas, que foram trancafiadas em casa pela família, até os 11 anos de idade. Nesse período, nunca tiveram contato com outras pessoas a não ser com os pais.

O mais interessante é a riqueza de detalhes do filme, que tem cara de documentário.

Criadas num bairro pobre do Teerã, as meninas foram descobertas a partir da denúncia dos vizinhos a uma Assistência Social. O pai, seguindo os preceitos de que a mulher é como uma flor e, portanto, deve ser mantida longe do sol, nunca permitiu que elas saíssem de casa ou tivessem contato com alguém, retardando seu desenvolvimento social e humano. A mãe, cega, apoiou a decisão do marido, isolando as crianças do mundo exterior.

Partindo deste fato isolado na comunidade iraniana, Samira tenta descobrir o que levou esses pais a agirem desta forma e por que os vizinhos ficaram tanto tempo indiferentes a essa comovente e desumana situação. Ela define em poucas palavras o filme: "No começo, não sabia ao certo se faria um documentário ou uma ficção. O fato serviu para que eu tentasse compreender a que ponto as ruas são importantes na integração social do ser humano - essas ruas onde os meninos têm o direito de brincar e de onde as meninas são excluídas".

Com essa história pungente, A Maçã mostra a determinação silenciosa mas firme do universo feminino no Irã, que não cessa de lutar contra todas as formas de autoritarismo político, cultural e religioso. No Irã de hoje as mulheres desenham o futuro dos homens.

Mohsen Makhmalbaf dedica este filme para "as meninas Zahra e Massoumeh, que têm 13 anos mas parecem ter dois, porque passaram onze anos aprisionadas. E o tempo que se passa numa prisão não pode ser contado como parte da vida".


Direção: Samira Makhmalbaf

Roteiro: Mohsen e Samira Makhmalbaf

Fotografia: Ebrahim Ghafori

Montagem: Mohsen Makhmalbaf

Elenco: Massoumeh Naderi, Zahra Naderi, Ghorban Ali Naderi, Azizeh Mohamadi, Zahra Saghrisaz

Produção Makhmalbaf Productions 1, avenue 45 Shahrak Dolotabad, Teerã, Irã Tel./Fax: 21 374 5773 - MK2 Productions 55, rue Traversière 75012, Paris Tel.: 1 4467 3000 Fax: 1 4341 3230

World Sales: MK2 Diffusion

Título Original: La Pomme

Col., 86min., 1998

quarta-feira, março 03, 2010

Michel Temer cria comissão para analisar a PEC

:: Diploma de Jornalismo ::


RECAPITULANDO...


De acordo com o
Blog do Noblat, em Dezembro de 2009, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que exige o diploma de jornalismo para o exercício da profissão foi aprovada na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado. Segundo Noblat, durante a discussão da PEC, o presidente da CCJ, Demóstenes Torres (DEM-GO), se manifestou contrariamente.
Disse que o Supremo Tribunal Federal (STF) derrubou a Lei que exigia o diploma. E deve fazer o mesmo com a alteração proposta na Constituição caso ela seja aprovada.
Ainda de acordo com o blog do jornalista, para valer, a PEC ainda precisaria ser aprovada, em duas votações, no plenário do Senado e depois da Câmara.



Michel Temer cria comissão para analisar
PEC a favor do Diploma de Jornalismo


Após o recesso no Blog sobre o tema, retomamos com boa notícia. De acordo com a Deputada Federal Rebecca Garcia (foto abaixo), o presidente da Câmara Michel Temer acaba de criar a Comissão Especial que vai analisar a PEC 386-A/2009, do deputado Paulo Pimenta.
A PEC estabelece a necessidade de curso superior em jornalismo para o exercício da profissão de jornalist
a.


Segundo a deputada, que lidera a Frente Parlamentar a favor do Diploma de Jornalismo, "Agora é trabalhar para apresentar um parecer o mais rápido possível." - afirmou Rebecca, em sua página no Facebook, referindo-se à Comissão Especial da Câmara. Vamos torcer!


terça-feira, março 02, 2010

Mr Dagga lança novos talentos do Dancehall

:: Ragga/Dancehall - Brasil ::

Mr Dagga cria selo de Dancehall
e lança novos talentos


Ragga De Mente aka Mr Dagga (Brasília-DF), já assinou produção de diversos projetos de artistas ao longo dos anos, como: Mocambo, Negro Dollar, Nu-Ras, Natty Soljah, KillaVybz, Jimmy Luv, QG Imperial, Roe Delgado, King Der, Buyaka San, Alfa11, Bruna Bernardes, Leila Sther, AfroRagga, Sista Shaïna, Fellipe SoulJah, Speed Freaks, entre outros.

NOVO SELO (CD Beatz)

Atualmente RaggaDeMente segue na linha do Dancehall, e é apontado como um dos que mais produz músicas do gênero na América do Sul. Além de ser versátil como produtor e raggaman, Mr. Dagga acaba de montar um selo para lançar artistas nacionais como: Alien Man, de São José do Rio Preto (SP), e de Brasília(DF) Batidão Sonoro, Duofya com Ms Lirys, Elissa, Vaniuska, Afro Ragga, entre outros.
Segundo Mr Dagga, o selo está prestes a virar um sub-selo da Universal International!!

MONSTROS DO DANCEHALL - Ragga De Mente acabou de produzir o disco novo de Buyaka San, intitulado "Monstros do Dancehall", onde produziu todos os instrumentais.

Sobre os novos projetos solo, o cd de Mr Dagga tem o lançamento previsto para agosto de 2010.


Ouça alguns sons de Mr Dagga!
(Ragga / Dancehall)

MYSPACE OFICIAL - Ragga De Mente

MYSPACE - Mr. Dagga

:: Contatos ::
+55 61 8603-1991
E-mail: misterdagga@gmail.com
MSN: misterdagga@hotmail.com

segunda-feira, março 01, 2010

WM (SP) lança o single "Sessão Cirúrgica"

:: Música - Lançamento ::


WM (SP) lança o single "Sessão Cirúrgica"

Márcio, vulgo WM é um MC e Produtor Musical que já vem se destacando há tempos por Itapetininga, SP. Com assinatura em vários trabalhos de grupos da cena independente, pela Fya Bomb Records, WM é visto como uma aposta para muitos que querem produzir um disco e contar com seu talento. Produtor de vários artistas, como INquérito (onde prodiziu uma faixa para o som do Renan), WM já já fui produzido por Lakers, Código Fatal e W-Jay do SNJ.

Agora é a vez de WM lançar um novo trabalho solo. O primeiro disco solo
"Quem Qué Faz" (FyaBomb Records) foi lançado em 2006.
Em 2009 lançou o disco "One DJ, One MC, One Day"(FyaBomb Records),
em parceria com o DJ Tanaka.
Márcio WM está lançando um novo single.







"Sessão Cirúrgica" é o novo single, que, como a maioria de seus sons tem uma mistura de rap, ragga, jazz e música eletrônica. A produção de WM é bem original, com letras que falam sobre correria e temas adversos, como cena independente e crítica social, com um tom mais leve e criativo, sempre com várias colagens e boas sacadas de humor.

O ano de 2010 promete outras pedradas pro novo disco, como
"Quantalamera" e "Chique Simplicidade".

:: CONTATOS ::

wmfyabomb@hotmail.com
:::::::::::::::::::::::::::::::